sexta-feira, 4 de outubro de 2013

Dia 22 - Curitiba - São Paulo - 410Km - 28/09/2013

Acordei cedo empolgado para percorrer o ultimo trecho da viagem com um sentimento de meta quase batida e ao mesmo tempo passava em minha cabeca um filme de tudo que haviamos vivido nestes ultimos 21 dias, os milhares de kms percorridos, os lugares fabulosos que conhecemos, as diferentes paisagns, povos e culturas. As comidas, os passeios no Atacama, os vales incriveis na regiao da pre-cordilheira, o grande salar, a travessia dos Andes ate o Atacama, a primeira imagem do Oceano Pacifico, a avetura de subir de moto e com neve ateh o Valle Nevado, a subida dos Andes novamente depois de Santiago rumo a Mendoza com o Aconcagua ao lado, os vinhedos, enfim experiencias que nunca mais sairam da minha cabeca e que fica quase impossivel de descrever aqui...

As 9:00 da manha ja estava com tudo arrumado,  checkout do hotel feito, moto pronta e arrumada, cafe tomado.

Desta vez faria o caminho sozinho pois o Glauco decidiu ficar em Curitiba para descansar e passaer mais um pouco pela cidade, ainda era sabado. Como nao chegariamos juntos no destino final da viagem, comemoramos ali mesmo o sucesso sucesso da parceria e da expedicao, nos abracamos e parti...

Sai de Curitiba pela BR-116 com um clima muito bom. Apos uns 45 minutos de viagem do lado direito da estrada avistei o Portal da Estrada da Graciosa, uma estrada turistica, antiga e feita de paralelepipedos, muito visitada por turistas, pessoas que residem em Curitiba e tambem por motociclistas.

Assim que passei pelo Portal comentei comigo mesmo, ainda voltarei para descer e subir esta serra alem de comer o famoso barreado de Morretes, cidadezinha que fica logo abaixo da Serra da Graciosa.

Alem do excelente clima a estrada estava com pouco movimento. Adoro andar de moto por esta estrada a paisagem eh magnifica, a pista eh bem larga e bom asfalto, com muitas retas e curvas perfeitas para se faze de moto. Mais proximo a SP o movimento de caminhoes e carros comecou a aumentar e tambem peguei alguns pontos com reformas na pista.

Segui em ritmo bom e parei apenas uma vez para abastecer entre Cajati e Registro. Consegui chegar em SP a tempo ainda de almocar com a minha namorada Cintia, por volta das 14:00hrs estava em casa. Neste trecho nao tirei nenhuma foto pois eh um trecho mais comum e mais conhecido pelo menos por quem mora em SP ou Curitiba. De qualquer forma filmei praticamente todo o trecho.

No momento em que cheguei em casa, parei a moto, olhei para a motoca e fiz a ultima filmagem da viagem. Comentei como foi o dia, mostrei o estado em que cheguei e da minha moto que foi minha companheira inseparavel nestes ultimos 22 dias e que me deu muitos momentos de alegria e aguentou firme sem nennhum problema, tirando a sujeira em que se encontrava....rss. Nada que uma boa lavada nao resolvesse. Tinha de tido grudado nela e na minha roupa que nao lavei nenhuma vez durante a viagem, oleo, areia, asfalto, pedaços de insetos que batiam na viagem, tudo junto e grudado na roupa e na motoca.




Nenhum comentário:

Postar um comentário