sexta-feira, 4 de outubro de 2013

Dia 20 - Uruguaiana - Passo Fundo - 578Km - 26/09/2013

Hoje o dia foi bem mais tranquilo do que ontem. Saimos do Hotel Presidente, que recomendo, pelo atendimento, instalações e excelente café da manha, as 9:00hrs da manha. Pegamos a BR-472 sentido São Borja, estrada simples mas com asfalto em bom estado, pouco movimento e o clima estava perfeito, por volta dos 22 graus. Hoje não abastecemos as motos na partida pois ainda estavam com o tanque quase cheio e eu ainda tinha um dos rotopax cheios, com 7 litros.
Rodamos até São borja onde abastecemos pela primeira vez, até aqui tudo certo, o único cuidado com este trecho fica com relação ao muitos pássaros que ficam atravessando a pista com voos rasantes ou ficam em bando a margem da estrada e quando passamos saem voando. Algumas vezes em direção a moto, por sorte não pegamos nenhum. A impressão que tive é que os pássaros do lado argentino são mais rápidos para sair da pista do que os do lado brasileiro...rss
Neste trecho a estrada tem bastante vegetação verde do lado da pista, com arvores, algumas plantações, pastos, passamos também por vários rios e pontes. Em uma delas tivemos que esperar uns 5 minutos para passar. São duas ou tres pontes seguidas, antigas e como só passa um carro por vez, primeiro passam os carros de um lado da estrada e depois liberam os veiculos do outro lado, tudo isso controlado por um semaforo.
Depois da BR-472, caímos na BR-285 que parece ser praticamente a mesma estrada, conhecida como a rota da missões, mesma paisagem, condição da pista e trafego. Pegamos hoje 2 ou 3 pedagios também mas em nenhum deles motos pagam, passamos ao lado em todos.
Paramos para abastecer novamente na estrada logo após Panambi, uma cidade a beira da estrada, passamos por varias cidadezinhas de beira de entrada e quase todas elas tem algum monumento ou uma bela entrada/fachada.
A única preocupação do dia foi com o pneu traseiro do Glauco que já esta na malha de aço, mas conseguimos chegar bem até Passo Fundo. Hoje já arrumamos um pneu novo e amanha cedo antes de sairmos para Curitiba passaremos na loja para trocar o pneu.
Chegamos em Passo Fundo as 16:00hrs. A cidade é bem maior do que esperava, movimentada e bonita. O hotel que ficamos é o Villa Vergueiro, acho  que é o melhor que nos hospedamos até agora, deve ser um 4 estrelas. Agora é arrumar tudo que não deu tempo de arrumar ontem, escrever o diário dos dois dias e baixar todas as fotos e vídeos. Só consegui gravar a estrada de hoje pela manha pois o cartão de memoria da GoPro encheu nestes 2 dias, mas vai dar pra mostrar bem o trecho pois ele é muito parecido o tempo todo.
Ainda falta conhecer o Cuiao do Prefeito e jantar em algum lugar legal da cidade.

Demos uma volta pela cidade, existem praticamente 2 avenidas principais, uma praça e a rua do lado da praça é a rua onde estão a maioria dos bares e restaurantes. Pouca coisa. Pedi uma indicação de um bar e me disseram va ao Boka Lanches, achei o nome estranho, ai decidi pedir então a indicacao de um restaurante, para minha surpresa me indicaram novamente o Boka Lanches. É isso ai o jeito foi conhecer o tal Boka. É um restaurante/bar, que serve lanches, alguns pratos e petiscos. Dependendo do horário é mais para família, happy hour ou pre-balada. Resumindo, bem fraquinho. Deu pra sentir saudade de São Paulo de novo com infinitas e boas opções. Comi um lanche, uma Coca e fomos dormir. Amanha cedo o Glauco vai tentar arrumar um pneu novo para a moto e depois seguimos para Curitiba, penultima parada antes da chegada a São Paulo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário